Enel disponibiliza autoleitura do consumo de energia

Enel disponibiliza autoleitura do consumo de energia

Enel Disponibiliza Autoleitura Do Consumo De Energia (1) - Cysne Administradora de bens e Condomínios

15 maio Enel disponibiliza autoleitura do consumo de energia

Nos condomínios, a sugestão do Secovi-SP é que o zelador faça a leitura do medidor de maior consumo da área comum e encaminhe os dados na data indicada por meio do aplicativo, site ou telefone da concessionária

Desde abril, a Enel Distribuição São Paulo passou a oferecer o serviço de autoleitura do medidor de energia para residências, pequenos comércios, condomínios, entre outros clientes.

O serviço estará disponível durante este período crítico de avanço do coronavírus e permitirá reduzir o número de leituristas nas ruas, protegendo clientes e colaboradores.

Os clientes que não fizerem a autoleitura terão a conta de energia calculada pela média de consumo dos últimos doze meses, conforme regra anunciada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Nesse caso, a diferença entre o valor faturado e o que realmente for consumido será compensada na conta de energia quando for retomada a leitura.

Para fazer a autoleitura o cliente deve verificar na conta de luz a data prevista para leitura do mês seguinte, que será o dia limite para o envio das informações à distribuidora. O cliente poderá fazer a autoleitura até dois dias antes dessa data ou no próprio dia. Por exemplo, se a próxima leitura será em 15 de abril, o cliente tem os dias 13, 14 e 15 para informar à Enel os números registrados no medidor.

Para viabilizar a autoleitura, o cliente fotografa os números que aparecem no medidor e envia a imagem para os canais digitais da distribuidora: App Enel SP disponível para Android (http://bit.ly/2VmOsIj)  e   IOS     (https://apple.co/2VpYh8q)  e  no site https://portalhome.eneldistribuicaosp.com.br . Também é possível enviar os dados pelo telefone 0800 7272 120. Para isso, basta digitar os números registrados no medidor.

No caso dos condomínios, a sugestão da vice-presidência de Administração Imobiliária e Condomínios do Secovi-SP é que o zelador faça a leitura do medidor das áreas comuns, conforme explicado acima. Contudo, como o sistema da Enel aceita apenas o envio de uma única leitura, a recomendação é que o zelador faça  a autoleitura do medidor de maior consumo (por exemplo da administração), desconsiderando as leituras das demais áreas comuns (bomba de incêndio, apartamento do zelador, salão de festas, etc.).

Caso algum morador manifeste o interesse em realizar a autoleitura de sua unidade autonôma, o condomínio poderá definir e divulgar os dias e os horários, de acordo com a data prevista pela concessionária, devendo a autoleitura ser realizada pelo próprio morador, acompanhado pelo zelador, que não deve realizá-la, a fim de evitar questionamentos posteriores.

Outra dica importante é que os clientes mantenham seu cadastro atualizado pelos canais digitais da Enel Distribuição São Paulo, por meio dos quais também pode optar por receber a fatura por e-mail e segunda via da conta. Apesar de ter suspendido temporariamente a leitura dos medidores, a concessionária continuará entregando mensalmente a conta de todos os clientes, seja fisicamente, seja por e-mail para aqueles que já são cadastrados para o recebimento digital.

Segundo a concessionária, os clientes também podem aderir à conta digital, contribuindo dessa forma para a redução de pessoas em circulação nas ruas. Além da autoleitura, da fatura por e-mail e da segunda via da conta, os clientes podem usar os canais digitais para cadastro de débito automático, alteração de titular, consulta de débitos, alteração de data de vencimento, pedido de segunda via, informar falta de energia, dentre outros.

Fonte: SEVICO SP



Feito só para você!
Obras: Lei 8.808/2020 foi sancionada pelo governador Wilson Witzel e…